Ufes realiza ações para resolver problema de cachorros no campus de Goiabeiras

Ações conjuntas entre a Ufes, por meio da Prefeitura Universitária, e a Prefeitura de Vitória (PMV), por meio do Centro de Vigilância em Saúde Ambiental (CVSA), estão sendo realizadas com o objetivo de adotar medidas adequadas e efetivas para solucionar a questão de cachorros que estão circulando no campus de Goiabeiras e atacando usuários do espaço.

A Prefeitura Universitária já identificou a presença de três animais no local. Desde então, profissionais do CVSA estiveram no campus (foto) para identificar os hábitos e trilhas dos cães no campus, bem como os locais utilizados como abrigo. Outra ação ocorreu na tarde desta segunda-feira, 11, com a proposta de capturar os animais, castrá-los, vaciná-los e, em parceria com entidades ligadas à proteção animal, encaminhá-los para abrigos e disponibilizá-los para adoção.

“A existência desses cães na Ufes se dá por meio de ações de pessoas  que visitam o nosso campus nos finais de semana e abandonam animais aqui, sem se preocuparem com as consequências advindas de tal atitude. Ocorre, também, pela procriação natural e pela migração de animais de bairros adjacentes para as dependências da nossa Universidade, que se mostra atrativa pelo fácil acesso à alimentação, que é oferecida por pessoas que aqui transitam diariamente. Esta ação contribui com a permanência desses animais no campus, além de atrair outros”, afirma o prefeito universitário, Renato Schwab.

Atendimento

Nos últimos 15 dias, 11 pessoas foram atendidas pelo Departamento de Atenção a Saúde (DAS) da Ufes após serem atacadas por cachorros no campus de Goiabeiras. Em todos os casos, as pessoas receberam os primeiros atendimentos e foram encaminhadas a unidades de saúde do município para serem vacinadas.

A Prefeitura Universitária orienta os membros da comunidade universitária e visitantes que, ao avistarem os cachorros, afastem-se deles e evitem ações ou movimentos que possam provocá-los. A presença desses animais também pode ser comunicada à Vigilância Universitária por meio do ramal 2727 ou pelo Aplicativo Alerta Ufes, que poderá ser baixado gratuitamente por meio da Play Store.

Ações

Desde 2014 a Ufes vem buscando soluções para a questão de animais que são abandonados ou que invadem os campi da Universidade – em especial o campus de Goiabeiras – por  meio de um acordo de cooperação técnica entre a Universidade,  a Prefeitura de Vitória e a Sociedade Protetora dos Animais do Espírito Santo (Sopaes).

Na época, o veterinário e professor do Departamento de Medicina Veterinária do Centro de Ciências Agrárias (CCA), Douglas Severo, afirmou que é muito difícil evitar a circulação de animais nos campi universitários, mas é possível controlar a população por meio de ações integradas.

Em 2017, com o apoio da Polícia Ambiental, uma ação foi realizada no campus de Goiabeiras, onde oito cães estavam habitando nas imediações do Restaurante Universitário. Na ocasião, animais foram capturados e levados ao CVSA para castração e vacinação e, posteriormente, encaminhados para abrigos especializados. 

Outra ação paralela que tem o objetivo de coibir o abandono de animais. Por meio do sistema de videomonitoramento do campus é possível flagrar e identificar pessoas que abandonam animais no local.

O artigo 164 do Código Penal prevê o crime de abandono de animais para aqueles que introduzirem ou deixarem animais em propriedade alheia, sem consentimento de quem de direito, desde que o fato resulte prejuízo. A pena prevista é de detenção de 15 dias a seis meses, ou multa.

 

Texto: Thereza Marinho
Foto: Danielle Gonçalves (estagiária de Comunicação)

 

 

Categoria: 
Destaque
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.