Vice-reitora da Ufes fala sobre Conquistas e Direitos da Mulher na Ales

A vice-reitora da Ufes, Ethel Maciel (na foto, à direita), participou nesta quarta-feira, 7, de sessão na Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) realizada pela Frente Parlamentar em Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. Na ocasião, a vice-reitora falou sobre Conquistas e Direitos da Mulher.

A sessão, presidida pela deputada Luzia Toledo (no centro da foto), contou com a presença da deputada e presidente da Procuradoria Especial da Mulher da Ales, Janete de Sá (na foto, à esquerda); da representante da Secretaria de Estado de Segurança Pública, Fernanda Braumer; dos deputados Hercules, Silveira, Rafael Favato e Sérgio Mageski; e de diversas representantes de movimentos femininos em defesa da mulher.  

Segundo dados sobre a violência no país, o Espírito Santo é o quinto estado em violência contra a mulher e o primeiro entre mulheres negras. Em sua palestra, Ethel Maciel fez um resgate histórico sobre a conquista das mulheres e as “ondas” do feminismo, até os desafios atuais enfrentados pelas mulheres, como a criminalização do aborto.

“Hoje temos a tutela do Estado sobre o corpo da mulher. Em um Estado laico, nós, mulheres, esperamos que o Estado tutele apenas sobre nossa saúde, educação e segurança. A lei de criminalização de aborto é cruel contra a mulher. O estado brasileiro está punindo as mulheres pobres, porque as ricas fazem aborto de forma tranquila e segura, até fora do Brasil. Essa é a maior violência institucional do estado brasileiro contra a mulher”, destacou.

Igualdade

Ethel disse ainda, que questões religiosas interferem na aprovação de leis e pediu que atuação dos deputados em prol de iniciativas que contribuam para a igualdade de gênero.

“Quando os senhores legislam, legislam para todo o povo capixaba e as mulheres pedem socorro a essa Casa. É urgente a discussão de gênero na escola. Essa casa tem responsabilidade sobre a morte de mulheres, quando impede essa discussão de gênero”, afirmou.

A deputada Janete de Sá abordou os crimes contra a mulher ocorridos recentemente no estado e a necessidade do apoio de todos para combater a violência.

“Os homens acham que podem matar a mulher que nada acontece. Evoluímos nessa questão, mas falta muito, e é por isso que precisamos de todos vocês. Este é um problema de Estado e de toda a sociedade brasileira”, reiterou. 

Ao final da sessão, a presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar, deputada Luzia Toledo, agradeceu a contribuição da Ufes na luta em defesa da mulher por meio das pesquisas realizadas no Laboratório de Pesquisa sobre Violência Contra a Mulher no Espírito Santo (Lapvim/ES).  

Também nesta quarta, 7, às 19 horas, a vice-reitora Ethel Maciel participa de Sessão Solene em Homenagem ao Dia Internacional da Mulher, na Câmara Municipal de Vitória.

Texto e foto: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
60 anos da Ufes
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Reestruturação e Expansão das Universidades Federais

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.